1.jpg

Você também pode mudar o mundo


Conheci o Gabriel Cardoso porque a Larissa, estudante da UNB, me convidou para palestrar na Universidade e me deu de presente o livro dele. A primeira impressão foi a melhor, um livro falando exatamente o que sinto e acredito. O livro trata de forma muito clara e de fácil linguagem, ferramentas e temas sobre o empreendedorismo social, mas ele retrata muito bem o que essa frase diz “entre mudar o mundo e ganhar dinheiro, fique com os dois”. É possível fazer os dois e é possível você individualmente mudar e impactar o mundo.

Quero falar aqui sobre essa nossa capacidade, muitas vezes desconhecida de, mesmo que sozinhos, conseguirmos atuar impactando o mundo.

Talvez meu exemplo ajude a identificar isso em vocês e quem sabe incentivar a embarcar nesse mundo de empreendedores sociais, mas também quero dar exemplos de pessoas que conheci recentemente de uma viagem que acabei de voltar, estava no Oriente Médio trabalhando como voluntária com refugiados sírios e iraquianos.

Eu sou formada em Relações Internacionais e antes de “largar tudo” e abraçar o que eu amo fazer, eu trabalhava em uma construtora, aprendi muito, mas não era feliz, resolvi então me mexer, fiz cursos sobre empreendedorismo, criação de negócios e com isso fui despertando novas habilidades que desconhecia em mim. Então decidi arriscar e junto com meus dois sócios e amigos, iniciamos a Volunteer Vacations (VV). Hoje capacitamos e enviamos voluntários para mais de 15 países em mais de 25 projetos parceiros. Atualmente vivo e trabalho fazendo o que amo, empreendemos, impactamos e vivemos disso, com dificuldades e obstáculos, e depois quero falar dessa parte para vocês, mas hoje posso dizer, trabalho com o que amo e sempre sonhei!

Mas, ainda temos muito que aprender e caminhar, são somente dois anos e meio empreendendo e ainda vamos “apanhar” bastante, no entanto, o que tem de muito gostoso nessa longa e espero que, eterna, caminhada, é encontrar pessoas que também estão nessa “maratona” da vida, em busca de uma atuação/profissão com um grande propósito. Cheguei a poucos dias de viagem, fui trabalhar como voluntária e firmar uma nova parceria para a VV no Oriente Médio. Atuei, chorei, sorri, vivi, brinquei, ajudei e aprendi muito em uma das viagens mais desafiadoras cultural e emocionalmente. Fui ao Líbano e à Jordânia, nos dois países fui até a fronteira com a Síria e lá, em meio a conflitos, ameaças terroristas, conheci jovens brasileiros empreendedores sociais.

Conheci a Família Aziz, Homero, Dheborah e o filhinho deles de 3 anos, o Athos, que estão longe da família, vivendo no mundo árabe, com outra cultura, outra religião predominante, outros preconceitos, outros desafios. Abriram mão da zona de conforto e foram enfrentar uma realidade que nós desconhecemos, a guerra, os conflitos, a perseguição religiosa, o ISIS, e por ai vai. Foram para empoderar refugiados que vivem na Jordânia, país que mais tem refugiados no mundo, 2,7 milhões no total, maioria de iraquianos e sírios, dão assistência médica e odontológica a essas famílias e ainda criaram um centro educacional para as crianças. Se planejaram, decidiram AGIR! Você também pode!

Crédito: Família Aziz

Na mesma viagem conheci um casal e que não fala inglês fluente, que não fala uma palavra de árabe e que tinha acabado de chegar na Jordânia: a Jéssica e o César, duas pessoas queridas que já te cativam no sorriso e braços abertos ao nos receber. Estão iniciando agora um projeto, o Faz e Transforma. Eles começaram no Brasil, mas o mundo é o objetivo deles e se organizaram, pediram ajuda a amigos, família e hoje estão lá, recém chegados no Oriente Médio para empreender, fazer e transformar!

Tudo começa passo a passo, se organizando e planejando, mas sempre tirando do papel, transformando aquele medo, aquele frio na barriga em CORAGEM! Queria convidar a todos para conhecerem a página da Família Aziz no Facebook e a Faz e Transforma, acompanhem de perto, entrem em contato com eles, saibam mais sobre o trabalho, você pode ajudar ou quem sabe bater um papo para se inspirarem e assim conseguirem tirar de dentro de vocês essa vontade de mudar o mundo, percebendo que você PODE E É CAPAZ e ainda melhor, pode viver disso!

Crédito: Faz e Transforma

Mariana Serra

Mariana Serra é co-fundadora e idealizadora da Volunteer Vacations, é palestrante, formada em Relações Internacionais pela ESPM-RJ. Está na lista da FORBES 30 ABAIXO DE 30 como uma das jovens mais promissoras do Brasil até 30 anos em 2016. Publicou em 2009 um artigo sobre a importância da educação para o desenvolvimento do país no Jornal da ESPM, foi assistente do Ministro Lampreia.

Apaixonada por viagens, já morou na Nova Zelândia e Taiti onde começou o seu envolvimento com ações humanitárias. Recentemente acabou de ser voluntária em projetos na Índia, Tailândia, Costa Rica, Tanzânia, EUA e no Quênia onde trabalhou como voluntária na maior favela urbana do continente e em um orfanato cuidando de crianças com AIDS e tuberculose. Em Fevereiro de 2015 formou mais de 300 empreendedores quenianos durante a Semana VV de Empreendedorismo com a Vem Gerir.

Atualmente está cursando um MBA em Gestão de Negócios pelo IBMEC.

Postagens: todo mês, no dia 20, um novo texto.

#mudevocêomundo #atitude #empreendedorismosocial

  • Twitter
  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube
  • LinkedIn ícone social

© 2014 Mude, Você, o Mundo! Empreendedorismo social e economia de impacto

Todo material pode ser utilizado desde que citada a fonte.