1.jpg

Inspire-se com negócios sociais brasileiros 5 - O Polen


Olá, leitor!

Hoje daremos continuidade à série Inspire-se com Negócios Sociais Brasileiros que já falou sobre o Hand Talk, Geekie, Dr. Consulta e Programa Vivenda, e que traz nessa semana uma iniciativa que faz você ajudar muitas pessoas sem gastar nada.

Você já ouviu falar em O Polen? Trata-se de um negócio social que utiliza um aplicativo que transforma suas compras online em doações sem você precisar gastar nada por isso. Formidável, não é?

Pois confira a entrevista que fizemos com seus criadores, Fernando e Renata, que dentro da rotina sobrecarregada como empreendedores sociais, encontraram um tempinho para compartilhar um pouco de sua experiência conosco.

negóciosocial

1. Como surgiu o Polen?

O Fernando trabalhou muito tempo com e-commerce e sempre foi empreendedor. Ao se envolver com o terceiro setor, percebeu uma grande oportunidade em unir esses dois setores e largou tudo para iniciar em 2013 o PagSocial, um meio de pagamento como o PagSeguro mas que dividia sua taxa com ONGs e instituições. Essa ideia rendeu a primeira aceleração, em Vitória-ES, mas a aprovação de um marco regulatório governamental impedia que o desenvolvimento do negócio continuasse. Dois dias depois, se negando a desistir, surgia O Polen, um modelo muito melhor e mais sustentável que teve o lançamento do primeiro produto (app para chrome) em setembro de 2014.

2. No processo de criação, e agora expansão, quais as principais dificuldades encontradas e, também, quais as principais competências necessárias para contorná-las?

No início, tínhamos bastante dificuldade com as ONGs. Estávamos começando, ainda estávamos conquistando credibilidade e por ser uma ferramenta inovadora e online, muitas duvidavam que realmente funcionasse. Com o tempo, fomos ganhando confiança e hoje a cada dia mais ONGs nos abordam para fazer parte. Hoje, o grande desafio que temos é o mesmo de todos os negócios sociais, muitas pessoas ainda tem uma ideia de que não é `correto´ ter lucro e criar impacto social ao mesmo tempo, muitas ainda não conhecem o conceito de negócio social e acabam criando uma barreira. Talvez a maior competência que a gente precise pra contornar qualquer desafio seja a paciência, criar algo novo e ter seu próprio negócio é difícil e exige dedicação, então tem que ter paciência para trabalhar bastante e entender que tudo tem seu tempo de acontecer.

3. Qual o problema social atacado pelo Polen? E a solução proposta?

ONGs e instituições enfrentam um grande problema de captação de recursos e cada vez gastam mais tempo buscando esses recursos, ao invés de estarem dedicando-se às suas causas. Nós queremos diminuir esse tempo gasto com recursos e aumentar o impacto com atitudes. Além disso, muitos recursos vêm para as ONGs com `amarras´, ou seja, só podem ser usado em um único projeto, mesmo se exista outro que precisa mais. Como sabemos que ONG também paga aluguel, luz, telefone, internet e funcionários, deixamos nosso recurso livre para que usem da melhor maneira, inclusive às encorajamos a utilizar em suas bases, seus gastos administrativos.

4. Como funciona o processo de escolha das causas apoiadas pelo Polen?

A ONG que quer fazer parte entra em contato, preenche os documentos e nos envia. Nós verificamos a documentação e se estiver tudo certo, entramos em contato para saber um pouco mais do trabalho da ONG. Como apoiamos muitas ONGs e é tudo via internet, é importante que a ONG tenha um trabalho de comunicação como uma página no facebook, newsletter e etc. Nós damos suporte na comunicação, promovendo eventos online de treinamento de comunicação, enviando artes para serem postadas e dando vários exemplos, mas é da responsabilidade da ONG fazer a divulgação da plataforma e conquistar apoiadores.

impactosocial

5. Quais são as principais métricas de impacto do Polen?

A resposta óbvia seria é claro, o quanto conseguimos arrecadar para as ONGs, e esse é de fato um grande objetivo. Mas nosso trabalho vai além disso, queremos melhorar a ONG de dentro para fora, por isso trabalhamos com a sua comunicação e entregando sempre conteúdo de como melhorar sua gestão e como usar esse recurso livre que arrecadamos para potencializar seu impacto. Então, uma de nossas principais métricas é também o quanto a ONG conseguiu melhorar a partir do nosso apoio em sua gestão e comunicação.

6. Se novas instituições quiserem buscar o Polen, qual o caminho indicado? E, claro, como novas lojas podem se to